top of page
Buscar

Acessando Pesquisadores, Artigos e Teses Publicadas no Japão!


Um guia para auxiliar no início da sua pesquisa

As formas como as trocas acadêmicas acontecem no Brasil e no Japão podem ser muito diferentes e, por isso, acabar gerando desconforto para quem almeja mergulhar na vida acadêmica japonesa. Para o(a)s brasileiro(a)s acostumados com os currículos Lattes, os perfis no Academia, com a plataforma Sucupira ou a de Periódicos da CAPES, além das muitas revista acadêmicas com chamadas para publicação constantes e de Livre Acesso, o cenário acadêmico japonês pode ser desafiador.


Apesar disto, as diferenças não são impossibilidades e podem, além de tudo, oferecer um espaço para conhecer outras formas de interações acadêmicas que podem aprofundar uma percepção mais internacionalizada da profissão.


Ainda assim, essas diferenças exigem que o(a) pesquisador(a) brasileiro(a) no Japão (ou o(a) que deseja ser um(a)) se atualize para conseguir localizar e operacionalizar as principais ferramentas disponíveis no país. Pensando nisto, nesta postagem vamos apresentar um guia simples para as principais plataformas e ferramentas de pesquisa acadêmica disponíveis no Japão em que pesquisadores, artigos e teses publicados no país podem ser acessados.


pesquisando artigos e teses no Japão

Encontrando pesquisadores japoneses

Como é de se esperar, os pesquisadores japoneses não estão, via de regra, cadastrados em plataformas governamentais brasileiras como o Lattes, por exemplo. Além disso, apesar de alguns pesquisadores japoneses possuírem perfil na plataforma do Academia, a grande maioria não pode ser localizada pelo banco de dados desse site. Então onde essas informações podem ser acessadas?


RESEARCHMAP:

A plataforma comumente usada para esse fim é o Researchmap. Essa plataforma é mantida pela Agencia de Ciência e Tecnologia do Japão (JST) e possui o maior banco de dados de pesquisadores japoneses, o que a transforma em um potente buscador para esses fins. Além da busca direta pelo próprio nome do(a) pesquisador(a), a plataforma também oferece opções mais avançadas de busca que vão desde a seleção da área de interesse, passando pela alocação profissional, e indo até o tipo de pesquisa desenvolvida. Enquanto resultado, as informações fornecidas são semelhantes as encontradas no Lattes. Assim, em alguns casos é possível localizar informações de contato, enquanto em outros essa informação tem de ser buscada diretamente na página da Universidade que o(a) pesquisador(a) esta alocado(a).


imagem de exemplo do researchemap
Plataforma de pesquisa do Researchmap


J-GLOBAL:

Além do Researchmap, há, talvez mais próximo do Academia, o J-GLOBAL. Também desenvolvida e mantida pela JST, o J-GLOBAL tem enquanto objetivo conectar cientistas e instituições, além de buscar potencializar essas interações através deste contato. As informações dos pesquisadores presente nessa plataforma são diretamente colhidas do Researchmap, e, por isso, não oferecem aprofundamento neste sentido. Contudo, a plataforma destaca-se por reunir em um mesmo local informações de diversos bancos de dados, inclusive aqueles que agrupam artigos, patentes, projetos, organizações científicas etc. Sendo, portanto, um ótimo local para fazer buscas relacionadas ao mundo da ciência japonesa.


plataforma de busca J-GLOBAL
Plataforma do J-GLOBAL



Encontrando artigos e teses publicadas no Japão

CiNii:

Mantido pelo Instituto Nacional de Informática (NII), a CiNii é o maior banco de dados de artigos, teses e livros acadêmicos publicados no Japão. Enquanto banco de dados, ele fornece as informações gerais de publicação, onde os materiais podem ser localizados física e, se for o caso, digitalmente, além de também fornecer acesso direto a outros repositórios. É um aliado indispensável para a pesquisa diária, principalmente para as áreas de Humanidade e Social por ser o único banco de dados que agrega as informações destas, apesar de ser multidisciplinar e também agrupar informações das demais áreas.


plataforma de busca de artigos em japonês CiNii
Plataforma de busca CiNii


J-STAGE:

Outra plataforma bastante útil para localizar artigos publicados no Japão é o J-Stage (em japonês e em inglês), fornecido também pela JST. O J-Stage é o mais próximo que há do Portal de Periódicos da CAPES e agrega um grande número de revistas de Livre Acesso e as pesquisas publicadas nestas revistas. Por não estarem compilados no CiNii, muitos artigos só podem ser acessado por essa plataforma. A maior parte dos resultados podem ser acessados em inglês, mas trabalhos redigidos em japonês são localizados mais facilmente se buscados em japonês e na página japonesa da plataforma.

Além disso, a plataforma possibilita pesquisas avançadas em que é possível selecionar área de conhecimento, artigos com ou sem avaliação por pares, período de publicação, tipos de licença de uso etc.


plataforma de busca de artigos em japonês
Plataforma J-Stage em japonês


plataforma de busca de artigos em japonês
Plataforma J-Stage em inglês


REPOSITÓRIOS DAS UNIVERSIDADES:

Afora todas essas opções, ainda existem os vastos repositórios das Universidades, tal qual no Brasil. Dissertações e teses, normalmente, só podem ser acessadas por esses bancos de dados. Alguns artigos também só estão disponíveis neles. Então, se você quer algo mais específico, talvez seja uma boa ideia verificar o repositoria da Universidade que pesquisa com mais aprofundamento o assunto que você busca. Em seguida listaremos os bancos de dados das Universidades mais famosas do Japão, basta clicar no nome da Universidade de interesse que você será direcionado direto para a página desejada.



buscando artigos e teses em japonês

Essas são algumas das plataformas mais utilizadas para colher informações relacionadas à vida acadêmica japonesa. Contudo, não são úteis somente para aqueles que vivem e estudam no Japão, mas para todos aqueles que de alguma forma pesquisam sobre o Japão, ou buscam estar antenados as novidades produzidas no país, e querem ter maior acesso ao que é produzido academicamente sobre o assunto.


Há ainda diversas outras plataformas online mais específicas a depender da área de concentração e, posteriormente, traremos algumas delas aqui. Mas, por hora, que tal tentar navegar um pouco por essas e desfrutar de tudo que elas tem a oferecer? Nos vemos em breve!!


25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page